poema solitário

Nossa casa caiu de lado Sem vc Naveguei pra cama Escorreguei pro chão E esperei Um trator aparece na paisagem Tratando, parece De terras vazias como a lua Caminhos vazios também E eu então? Os passos, odores, as cores águas tão puras, riachos Clareza em seus olhos Passarinhos cantando o sol da manhā Olha meu… Continue reading poema solitário

Advertisements

survival means more life?

I can kill you a zillion times - back, forth, back - you remain a post-taste, something unrecognizable, even more violent within the rise and fall of life. The true nerve, my creation, no other longing but circling around the oven, considering its adornments while the cake ignites. I am god: not